Casa do Bacalhau

Um Gostinho de Portugal A gastronomia portuguesa é bastante marcante…

    view_headline
    Descrição

    Um Gostinho de Portugal

    A gastronomia portuguesa é bastante marcante e variada, com evidência para as especialidades típicas das diferentes regiões do país, formadas a partir de tradições e ingredientes locais.
    Alguns pratos da gastronomia portuguesa têm como base as especiarias trazidas para o país pelos navegadores dos Descobrimentos. Pimenta, canela, noz moscada, caril foram alguns dos ingredientes que ajudam hoje a compor os deliciosos pratos da vasta ementa gastronómica.
    Uma refeição típica, em Portugal, começa pelos aperitivos que poderão ir de azeitonas (condimentadas com azeite, alho e orégãos, ou simples), enchidos assados, queijos de ovelha ou de cabra, saladas de polvo, de ovas, de orelha de porco, presunto, ou simplesmente pão e manteiga.
    Segue-se a sopa, cuja variedade é infindável. Sopas de legumes, de tomate, do "cozido", sopa de marisco, ou algumas das mais famosas: a "açorda alentejana", composta de pão, alho, coentros, azeite, ovo escalfado e água a ferver, ou o nacional "caldo verde", feito de legumes, batata e acompanhado por chouriço. Na grande maioria dos restaurantes localizados à beira-mar, faz-se sopa de peixe, uma iguaria à base de vários peixes. Existem também sopas que funcionam quase como refeições. É o caso da "Sopa da Pedra", que mistura carnes e batatas no caldo, ou o caso da "Sopa de Cação", especialidade que se encontra normalmente no Alentejo: postas de cação servidas com caldo e pão.
    Peixe é uma constante na gastronomia portuguesa, sendo que o grande ênfase vai para as sardinhas, nos meses de Verão e para o bacalhau, presença constante em qualquer altura do ano, sendo mais procurado, no entanto, no Natal. Mas o mar tem muita mais variedade e algumas das espécies de peixe são bem saborosas. A mais comum é a pescada, que normalmente é cozida, acompanhada com legumes e batatas, mas linguado, salmão, truta e tamboril, poderão aparecer sob várias formas e qualquer uma delas bem apetitosa.
    Do mar vem também o marisco. E se bem que se aconselhe que não deve ser consumido em meses que não tenham no seu nome a letra "r", a verdade é que é mesmo no pino do Verão que se tornam mais apetecíveis. Em qualquer localidade próxima ao mar, é sabido que se encontram mexilhões, amêijoas, cadelinhas, berbigão, camarão, lagosta, santola e sapateira, apenas para nomear alguns. E mais uma vez, o que custa é a forma como se escolhe a sua confecção.
    Apesar de ser conhecido pelo seu peixe, Portugal é também país de carne e a variedade gastronómica que se apresenta é bastante considerável. Porco, vaca, borrego, frango, são algumas das opções. Um dos conselhos é talvez o de se experimentar o prato que condensa, na maior parte das vezes, todas estas carnes com excepção para o borrego. É ele o "Cozido à Portuguesa", ou só "Cozido". Feito com carnes de porco, vaca e frango, cozidos, é acompanhado por arroz, batatas, nabos e legumes. A particularidade deste prato é que todos os ingredientes são cozidos na mesma água, ganhando assim um sabor muito especial.
    Do porco vêm os enchidos (chouriços, morcelas são alguns dos exemplos), as costeletas, os presuntos e muito mais. De todos os pratos feitos à base de porco é o "Leitão assado", o mais conhecido. Por outro lado, uma "feijoada" também oferece a possibilidade de se provar várias partes do porco misturadas com feijão.
    Os amantes da carne de vaca encontram aqui o que na maior parte dos países se oferece, bifes. Grelhados ou fritos, basta apenas escolher de qual parte da vaca é que se deseja.
    O borrego é normalmente mais consumido na páscoa, mas para o norte, aconselha-se a experimentar o "borrego assado à padeiro", acompanhado por batatas assadas.
    Frango é sem dúvida dos alimentos mais baratos. Na maior parte dos restaurantes aparece assado num churrasco, normalmente em carvão. Também pode se costuma confeccionar em caril, estufado, ou refugado.
    A maioria dos restaurantes serve como acompanhamentos batata frita, salada de alface e tomate e arroz branco cozido. Algumas vezes poderá haver arroz de refugado, ou de feijão. Quanto a legumes são normalmente brócolos, cenouras, couve branca e feijão verde.
    A doçaria é bastante variada, mas a maior oferta consiste em mousses de chocolate ou caramelo, pudim flã, molotoff ou de ovos, doce de ovos, bolo de bolacha e alguns doces típicos da casa.
    A acompanhar as refeições, para além dos refrigerantes, água, ou dos vinhos pelos quais Portugal é bem conhecido, em algumas casas vende-se sangria. Uma bebida com menor teor alcoólico, doce, feita à base de vinhos e frutas

    alarm
    Hoje está fechado
    • Segunda-feira

      Fechado

    • Terça-feira

      Fechado

    • Quarta-feira

      Fechado

    • Quinta-feira

      Fechado

    • Sexta-feira

      Fechado

    • Sábado

      Fechado

    • Domingo

      Fechado

    • 16:41 25/11/2020 local time

    map
    Localização
    view_module
    Categorias
    mood_bad
  • Ainda não há comentários.
  • chat
    Adicionar uma avaliação
      email
      Book now

      [contact-form-7 404 "Not Found"]

      keyboard_arrow_up